fbpx

Business Design forma profissionais coringas

Empreendedor é aquele que tem visões de futuros vertidos em produtos e serviços e, valendo-se dos números, é quem move a economia brasileira e mais gera empregos. O desenvolvimento de soluções é outro ponto-chave que abre um amplo e estratégico mercado de possibilidades. Os dois são focos do curso de Business Design, que passa a ser oferecido pela CESAR School em meados de julho e que oferece um modelo único no país, com um corpo docente de mercado, com a expertise do CESAR, apto a colocar ideias para funcionar.

A ideia é desenvolver respostas para a pergunta “como tirar uma boa ideia do papel?”, nada mais oportuno para o atual momento. Segundo a Business Strategy Designer do CESAR, Aldrêycka Albuquerque, o curso foi pensado com o foco em trabalhar a área de negócios, mas usa ferramentas de design para validá-los. “Eu sou da área de Administração e temos ainda professores de Design, Empreendedorismo e Branding. Esses quatro pontos são abordados”, explica Aldrêycka.

No curso, a proposta é que os alunos construam ferramentas para modelar esses negócios, entender os conceitos que envolvem o business design, as técnicas de validação e também os aspectos relacionados ao branding, que boa parte dos cursos similares não aborda. “Para o empreendedor, é importante fazer posicionamento de marca, o que é incubação, quais são as possibilidades de investimento”, reforça.

Professor do curso, Eiran Simis explica que tanto empreendedores quanto profissionais de áreas de novos negócios e novos produtos de empresas estão no foco da qualificação. “O conteúdo, isoladamente em suas partes, já existe, mas nosso diferencial é oferecer um curso completo, com pessoas do mercado que vão ajudar na implementação dos projetos, com momentos de consultoria. Isso você não encontrará em um curso rápido dessas plataformas online”, diz Simis, que é formado em Administração, tem MBA em Gestão Empresarial e já ajudou na criação de mais de 130 startups. Ao final do curso, os estudantes têm um momento de pitch com profissionais do CESAR e de empresas parceiras. São caminhos abertos para novos negócios.

Quem é este profissional?

O profissional de Business Design é um coringa cada vez mais necessário no mercado. É um profissional de negócios que sabe usar da melhor forma as técnicas de design. Completo, ele pensa no processo do começo ao fim, desde a ideia até a comprovação da viabilidade, e aquisição do consumidor.

“Esse profissional que formamos traz isso para dentro da empresa. Ele não fica apenas com o olhar sobre o usuário e suas necessidades, mas sabe usar ferramentas para validar uma solução, e para saber se o mercado tem espaço para aquele negócio”, reforça Aldrêycka. Nos últimos anos, muito se fala do Chief Design Officer (CDO), justamente essa liderança dos negócios que entende que em essência, é um designer. “No Brasil, não um profissional fácil. Aqui, ou você é de Administração ou de Design. Nos Estados Unidos, vem crescendo. É uma área muito ampla, que conversa e se articula com várias outras áreas e consegue engajar toda a organização em seus projetos”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima